Mês de combate à obesidade: o que você precisa saber sobre esta doença
Equilibrium - Centro Terapêutico da Obesidade
Telefone Equilibrium Facebook

Técnica de Enfermagem

Realiza consulta de enfermagem. Orientações ao paciente sobre a cirurgia bariátrica no pré...

Mês de combate à obesidade: o que você precisa saber sobre esta doença

Data: 23/10/2018

Além do outubro rosa, o mês de outubro também é marcado pelo combate à obesidade, quando acontecem várias ações e campanhas a fim de conscientizar a população sobre os perigos desta doença, as causas e a forma de trata-la. Especificamente no dia 11 de outubro é a data oficial, onde sempre fazemos uma reflexão sobre o panorama da obesidade no Brasil e no mundo.

E é muito importante falar sobre os riscos que a doença traz à população, especialmente nos dias atuais, onde a ansiedade, o estresse, o sedentarismo, têm contribuído para o aumento de peso na maioria da população.
Na última década, o número de brasileiros com algum grau de obesidade aumentou em cerca de 60%, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Para a Organização, a obesidade é um dos maiores problemas do mundo. Em 2025, a projeção é de que os adultos obesos e com sobrepeso ultrapassem a marca de 700 milhões e 2,3 bilhões, respectivamente, caso não exista a conscientização.

 

Mas afinal, quais são as causas?

A genética, a alimentação e o sedentarismo são fatores que influenciam diretamente no aumento de peso. Além disso, problemas hormonais e psicológicos, uso de medicamentos, qualidade do sono e tabagismo também podem contribuir para a doença, que nunca vem sozinha. Geralmente, a obesidade traz consigo uma série de outras doenças, como apneia do sono, doenças cardíacas, hipertensão, entre outras.

 

Como tratar?

Não existe milagre para quem quer perder peso. É preciso ter a consciência de que reeducação alimentar, mudanças de hábitos e prática de atividades físicas serão fundamentais para iniciar esse processo. Em alguns casos, o médico também poderá indicar o uso de medicamentos. Por isso a importância não iniciar um processo de emagrecimento, sem antes fazer uma consulta e avaliar sua saúde. Em casos em que esse tratamento não tem sucesso, o paciente será indicado à cirurgia bariátrica.  É muito difícil olhar um paciente, sem examiná-lo e avaliá-lo e dizer se ele está apto ou não a cirurgia, somente baseados no seu peso e IMC. Por isso a consulta com o médico é fundamental. É neste momento em que ele irá “checar” a vida do paciente e entender se este é o momento certo para sua cirurgia, independente de um quadro de obesidade mais severo ou moderado.
Gostou das informações? Compartilhe com seus amigos em sua página. Se desejar marca uma consulta para saber mais, ligue para 55.3322.8144 ou envie sua mensagem para nós neste link.

Ms de combate  obesidade: o que voc precisa saber sobre esta doena

Confira outras notícias

Receba nossos informativos em seu e-mail

Site produzido pela Netface

© 2019 Equilibrium. Todos os direitos reservados
Política de Privacidade   |   Recomende o Site